pH dos produtos de cabelo

Quando a gente está na escola aprende muita coisa que realmente nunca mais vai usar, alô fórmula de Bháskara! Em compensação também aprendemos muita coisa que vai ser muito útil e acabamos nem dando a devida atenção. Eu mesma nunca gostei de química – na verdade DETESTAVA. Era (e ainda sou) do time que amava português. Mas com o passar do tempo e as experiências da vida fui descobrindo que conhecer um pouco de produtos e reações químicas ajuda muito a gente a fazer as escolhas certas.

Uma descoberta que mudou totalmente minha forma de comprar produtos de cabelo foi entender que o pH é determinante pra hidratação que o os produtos serão capazes de fazer no meu cabelo.

Quer fazer deste post um guia completo sobre pH e produtos para cabelo, então vamos parte por parte. O post vai ficar longo mas garanto que vai vale a pena!

1ª coisa, você sabe o que é pH?

O potencial hidrogeniônico (pH) é usado para indicar o grau de alcalinidade ou acidez de uma substância. A escala de pH vai de 0 a 14, quanto menor o valor mais ácido, quanto maior mais alcalino. O pH 7 é quimicamente neutro.

Qual é o pH do cabelo?

O pH do cabelo é levemente ácido, com valor entre 4 e 5. Essa acidez ajuda a evitar a proliferação de bactérias e fungos. Na hora de escolher cosméticos para o cabelo é bom optar pelos com pH ácido moderado para manter as cutículas dos fios fechadas. Produtos alcalinos (pH acima de 7) dilatam as cutículas e podem alterar a estrutura dos fios. Os muito ácidos (pH abaixo de 3,5) causam dano ao cabelo, provocam reações que alteram a estrutura da queratina dos fios.

  • Produtos com pH 7 são chamados de neutros.
  • Produtos com pH abaixo de 7 são ácidos, selam as cutículas, diminuem o frizz, etc.
  • Produtos com pH acima de 7 são alcalinos, abrem a cutícula do cabelo, ressecam os fios, etc.

E o shampoo com pH neutro fica como nessa história?

O shampoo neutro tem função somente de limpeza, não trata os fios. E ele vai causar uma leve dilatação das cutículas dos fios, afinal o pH 7 é maior que o pH natural do cabelo. Talvez os neutros não sejam uma boa opção para cabelos sensíveis que ressecam facilmente. Recomenda-se o uso de produtos capilares com pH entre 3.5 e 6. Os condicionadores e máscaras geralmente tem pH menor que os shampoos, isso porque eles precisam selar as cutículas para ‘guardar’ a hidratação e nutrição dentro de cada fio de cabelo.
Para cada objetivo um pH ideal
Uma coisa importante a ressaltar é o tipo de cabelo para o qual o shampoo foi criado.Se você tem cabelo oleoso e pretende usar um shampoo próprio para o seu caso, o pH deve ser mais baixo e ácido (de 6 a 6,5), levemente agressivo, para remover a oleosidade excessiva do couro cabeludo. Quanto menos oleoso for o cabelo, mais alto pode ser o pH, contanto que não passe do nível de neutralidade (7).No caso de utilizar shampoos muito ácidos, não esqueça de prestar atenção nas pontas dos fios, pois o pH mais baixo pode ressecá-las.Para que isso não aconteça, use condicionador ou máscara hidratante apenas na área problemática, evitando aplicar produtos gordurosos na raiz.

Como eu sei o pH de cada shampoo/condicionador/máscara?
O ideal seria que todas as marcas deixassem bem claro nas embalagens qual o pH de cada produto, mas nem todos os produtos tem essa especificação. Falando por mim eu procuro sempre comprar produtos que deixam claro qual seu pH.

Comentários

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *